Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Professor santista cria música para estimular alunos a estudarem em casa

  • 1
    Share

Fazer as crianças estudarem em casa pode ser um tanto desafiador.

E existem duas pontas sofrendo nesta missão. Os pais tentam de um lado e os professores, do outro. André Marmo é professor em Santos e encontrou uma maneira de estimular seus pequenos alunos.

Ele compôs músicas

As aulas da turminha do 5º ano da escola municipal Irmão José Genésio têm sido mais musicais. Afinal, a playlist criada pelo professor já tem três canções diferentes. Todas criadas com o intuito de tornar as aulas virtuais, via WhatsApp, mais interessantes durante a pandemia.

www.juicysantos.com.br - professor compõe músicas sobre pandemia para ajudar alunos em casa

Para entrar no clima, claro que a atual situação vivida por todos virou o tema principal das músicas.

 “Adulto ou criança, papai, mamãe, vovó, titia, juntos com esperança de ter mais cidadania, água economizar, só tomar banho e beber, o lixo reciclar, isso tudo é pra valer…”.

Esse é o trecho de uma das músicas de André. Que também escreveu sobre como continuar estudando durante a pandemia. Além disso, outra iniciativa do professor foi organizar um arraial virtual da escola. Que, obviamente, teve uma trilha sonora original.

Quem é André Marmo

Por trás dessa iniciativa incrível, está o professor André Marmo.

Formado em Pedagogia, Música e História, ele conta que sempre utilizou a estratégia musical para atrair os estudantes. Na sua rotina em tempos normais, a música aparece como ferramenta pedagógica para ensinar disciplinas como Língua Portuguesa e História, por exemplo.

As composições tornam as aulas mais atrativas e ajudam os alunos a memorizarem o conteúdo.

“A diferença é que, na pandemia, compus especialmente com o fim de incentivá-los num período tão difícil para manter a rotina escolar”, afirmou.

Em tempos de pandemia, a estratégia do professor também tem dado resultado. De acordo com a diretora da escola, Cristiana Mondadori, a presença dos alunos dos 5ºs anos A e B (em torno de 55 alunos) é quase sempre total.

Entre os alunos, o professor músico é uma unanimidade. Victor Hugo, de 10 anos, conta que se tornou fã do professor porque ama música. Já Ana Luiza, da mesma idade, confessa que essas são as aulas mais divertidas.

E você, o que tem feito para manter as crianças concentradas nas aulas?

Conheça Raquel Zandonadi e os Fanfiqueiros de Papel

Em Praia Grande, uma professora também ganhou destaque por seu trabalho em sala de aula.

Com a missão de fazer os alunos do Fundamental II se interessarem pela Língua Portuguesa, a professora da rede pública de Praia Grande criou o projeto Fanfiqueiros de Papel. E ela é finalista do Prêmio Professor Transformador. Conheça a história clicando aqui.