Ludmilla Rossi
Texto porLudmilla Rossi
38 anos - Santos

Free shop no Panamá

Pausa dramática para quem quer saber sobre compras: o free shop no Panamá é um cantinho estadunidense no umbigo das américas. Cheguei lá sem grandes planos e meio desinformada quanto ao que teria no aeroporto de Tocumen. Mas rapidinho descobri uma caravana de brasileiros andando como se estivessem num shopping paulistano em pleno sábado de sol.

São muitas lojas com domínio claro do grupo La Riviera, um oásis daqueles artigos que compensam o fardo menstrual: maquiagem, perfumes, óculos, bijouterias, cosméticos para todas especifidades.

E, sabe o único lugar que vi batom da MAC mais barato que em Nova York? Sim, no aeroporto do Panamá. Cada batom da MAC custa 15 dólares por lá, o que significa que dá pra fazer a festa na loja da MAC disponível por lá. Não estranhe pois o idioma padrão das clientes é português. As brasileiras DOMINAVAM a loja.

A presença das lojas Atenzza também é forte, e são concorrentes diretos da La Riviera.

panama-freeshop

 A foto acima é do blog Futilish, que fez um post bem maneiro sobre o assunto.

O duty free também possui lojas de eletrônicos com câmeras digitais, tablets e acessórios a preços amigos. Em relação aos perfumes e maquiagens achei que são preços bem justos e equivalentes aos americanos. Em relação aos eletrônicos são bem mais baratos que os valores brasileiros mas ainda de 20% a 30% mais caros que em Orlando, por exemplo.

Em relação a roupas, muitas marcas que os brasileiros amam estão presentes no aeroporto, entre elas Lacoste, Carolina Herrera, Tommy Hilfiger, Valentino.

Uma loja gigante da National Geographic também vale a visita.

Ah, e se você sofre com a extinção dos Cinnabons do território brasileiro saiba que eles estão presentes no aeroporto do Panamá em alguns cafés espalhados por lá. Dá pra matar as saudades!

Eu acabei passando por esse aeroporto durante uma escala na minha viagem para a Colômbia (Cartagena e San Andres). Mas saí de lá sem comprar nada pra mim, apenas encomendas.

Exceto por dois Cinnabons, claro!