Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Pets mais gordinhos na quarentena – e agora?

Clique aqui e confira também nosso tema da semana

  • 2
    Shares

Depois de seis meses sem sair de casa regularmente, o corpo começa a dar sinais de que precisa de atenção. É assim com a gente e também com os bichinhos de estimação.

Aqui em casa, por exemplo, Pantera quase aprendeu a falar pra pedir pra passear.

Em outros lares, muitos animais ganhar peso desde que a quarentena começou. De acordo com uma pesquisa da USP feita em 2020, só em São Paulo, cerca de 40% dos pets estão considerados acima do peso.

E a obesidade em animais pode ser consequência de inúmeros fatores. Como, por exemplo, diminuição das atividades físicas, aumento de quantidade de pessoas em casa e, consequentemente, maior número de refeições diárias ou também estar ligado a doenças mais graves.

O que fazer com pets mais gordinhos na quarentena

Esse é o caso aí na sua casa? Então talvez seja necessário se atentar à saúde do seu companheiro.

juicysantos.com.br - Pets mais gordinhos na quarentena

“A obesidade canina é uma das principais doenças que acometem os pets”, explica a médica veterinária Thaís Matos, da DogHero.

E o excesso de gordura incomoda os bichinhos e também pode desenvolver outras doenças perigosas e maléficas para a saúde do seu companheiro. Problemas nos ossos e articulações, fraturas, artrites, rupturas de ligamentos e diabetes são mais comuns em animais obesos.

Ainda segundo ela, o ideal é tentar manter a rotina de alimentação com horários e quantidade fixas de ração. Mas, se o seu cão ou gato já tiver ganhado peso, o tutor deve consultar o veterinário de confiança para avaliação de qual é a melhor opção.

Além disso, procure manter uma rotina de passeios adequada para cada raça, tamanho do pet e condição de saúde do pet. No geral, o indicado é, ao menos, uma caminhada de 20 minutos.

Vale lembrar que a medicina veterinária preventiva ajuda – e muito – a identificar problemas precocemente nos animais.

Como sair com os bichinhos na quarentena

Já que estamos no meio de uma pandemia, vale lembrar que os passeios devem acontecer em horários alternativos. Assim, você evita aglomerações e faz isso de maneira segura – além disso, a máscara segue sendo um item essencial.

Quando voltar para casa, o tutor deve limpar as patinhas do pet com água e sabão neutro ou de coco e também higienizar as guias.