Flávia Saad
Texto porFlávia Saad
38 anos - Santos (SP)

Festival Elos: transformando sonhos em realidade

Uma grande celebração multicultural agita os morros santistas no mês de outubro.

Entre os dias 8 a 12 (sábado a quarta-feira), o Festival Elos desembarca nas comunidades da Nova Cintra, Santa Maria e Vila Progresso para celebrar a cultura e oferecer oportunidades de aprendizagem e transformação por meio de relacionamentos e do compartilhamento – no sonho e na prática.

Inscreva-se no Festival Elos – é GRÁTIS.

O evento reúne jovens lideranças, universitários, especialistas de diferentes áreas do país para, de forma colaborativa, criar rodas de conversas, trocar experiências, realizar oficinas e vivenciar a cultura local.

Bate-papos, oficinas práticas e apresentações culturais fazem parte de uma programação incrível, que você vê em detalhes abaixo:

www.juicysantos.com.br - guerreiros sem armas - instituto elos santos sp

Debates

No sábado (8/1o), das 14 às 17 horas, o debate Cultivar Comunidades para Construir o Mundo que Todos Sonhamos abre o festival.

Na mesa redonda, estarão Kaká Wera (Instituto Arapoty, difusor da cultura indígena brasileira), Rodrigo Alonso (arquiteto, urbanista, cofundador do Instituto Elos) e Luis Khel (arquiteto, professor e autor do livro Breve Historia da Favela)

Vai ser no Clube Juventude (Rua Prefeito Dr. Antônio Manoel de Carvalho, 1788, Morro de Nova Cintra).

A programação segue, no mesmo horário e local, com outras conversas:

Dia 9 de outubro

Debate: Uma nova narrativa para o mundo que todos sonhamos – Como pensar no futuro e viver em comunidade?
Convidados: Reginaldo Nasser (cientista político, PUC/SP), Diego Vicentin (sociólogo, Unicamp) e Claudia Visoni (jornalista e criadora do grupo Hortelões Urbanos).

Dia 10 de outubro

Debate: Projetos Comunitários Inspiradores – Apresentação de iniciativas socioculturais, econômicas e ambientais
Convidados: representantes dos projetos da Favela da Paz, GRCES Unidos dos Morros, Caiçara Expedições
Apresentação do documentário Aluguel de Chão, produzido em comunidades da Baixada Santista a partir de oficinas do Instituto Querô

Dia 11 de outubro

Debate: Identidade e Território – O aprendizado é o primeiro passo para a construção de uma vida em comunidade
Convidados: representantes da Rede Interação, do Observatório de Favelas e do Labcidade

Oficinas

De domingo a terça-feira, das 9 ao meio-dia, rolam oficinas com os seguintes temas:

Mapas afetivos
Sabão Ecológico
Oficina pra Crianças
Oficina de Imagens
Como fazer um Sarau Cultural
Oficina de Poupança Comunitária
Horta Urbana

Os participantes inscritos se reúnem no EC Juventude (Morro da Nova Cintra) e depois se dividirão pelos espaços e morros em transporte interno do evento.

elos-inscricoes

Outro destaque é que os participantes poderão aprender de perto a Filosofia Elos nas Comunidades, utilizada no programa Guerreiros sem Armas, que acontece nos dias 9,10 e 11 (domingo a terça-feira), das 14 às 17 horas.

A atividade, guiada por facilitadores do Instituto Elos, se divide nos três morros. Nela, o público vivencia três dos sete passos da Filosofia Elos (olhar, afeto e sonho) em suas respectivas comunidades.

No olhar, buscarão belezas, recursos e o que há de mais abundante em suas comunidades, além de registrar todo o aprendizado.

Já no afeto, reconhecerão os talentos das comunidades e iniciar um relacionamento de empatia e escuta com moradores, escutando suas histórias e quem são.

No sonho, estarão prontos para identificar sonhos comuns e coletivos que podem ser realizados em cada uma das comunidades e os sonhos que os representem como apenas um morro, integrado e harmônico.

Já o Encontro dos Sonhos (dia 12 de outubro, quarta-feira, feriado de Nossa Senhora Aparecida e Dia das Crianças) vai promover um encontro entre os moradores e frequentadores das 3 comunidades para pensar em sonhos comuns, coletivos e realizáveis para construir o morro desejado.

Essa etapa rola na Praça da Lagoa da Saudade (Nova Cintra), das 9 às 12 horas, e oferece também contação de história, música corporal, brincadeiras e músicas tradicionais para celebrar os pequenos.

morro-festival-elos

Música para todos

No dia 11 (véspera de feriado), o grupo Quiloa, a escola de samba Unidos dos Morros e o grupo Poesia Samba Soul botam todo mundo pra cantar e dançar na sede da agremiação (Av. Dr. Prefeito Antônio Manuel de Carvalho, 2.562).

Mais sobre o Festival Elos

O evento, realizado pelo Instituto Elos, tem patrocínio do Porto de Santos (Secretaria dos Portos, Governo Federal) e apoiado pela EC Juventude de Nova Cintra, GRCES Unidos do Morro, Paróquia de São Batista, Sesc Santos, Regional do Morro de Santos – PMS, Sociedade de Melhoramentos do Morro da Nova Cintra e Unisantos.