Flávia Saad
Texto porFlávia Saad
39 anos - Santos (SP)

Vacina da COVID-19 em Santos: tudo sobre a primeira fase da imunização

  • 1
    Share

Quase aos 45 do segundo tempo, quando já nos preparamos para a despedida de 2020, surge o anúncio que todo mundo estava esperando. Vai chegar a vacina da COVID-19 em Santos e já temos o calendário oficial divulgado pela Prefeitura de Santos.

Segundo as autoridades do município, a primeira fase da vacinação contra o coronavírus em Santos começa no dia 25 de janeiro – mesma data que o restante do estado de São Paulo. Os profissionais da saúde, tão importantes durante todo este ano na linha de frente do combate à pandemia, receberão as primeiras doses nessa data.

O Plano Municipal de Imunização inclui a aquisição de insumos (seringas, agulhas, coletores, etc), contratação de profissionais e estratégias de logística de distribuição e armazenamento das doses.

“Assim que a vacina chegar, a Cidade estará preparada para aplicar as doses na população”, afirmou Paulo Alexandre Barbosa, que está deixando o Executivo para dar lugar a Rogério Santos pelos próximos quatro anos. 

www.juicysantos.com.br - vacina covid-19 em santos

Vacinação de coronavírus em Santos e em SP

O cronograma de vacina da COVID-19 em Santos segue o calendário divulgado no Plano Estadual de Imunização (PEI).

Segundo o PEI, os grupos prioritários para vacinação são os profissionais de saúde em atividade e as pessoas com mais de 60 anos, que serão vacinados de forma escalonada.

Em Santos, o público-alvo nesta primeira etapa tem 104.419 pessoas, sendo 23.885 trabalhadores da saúde e 80.534 idosos.

A vacina utilizada tem o vírus inativado do novo coronavírus, produzida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, principal produtor de imunobiológicos do Brasil e responsável por grande parte das vacinas utilizadas no Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde.

Onde tomar a vacina de COVID-19 em Santos

A imunização será feita em 31 policlínicas nas cinco regiões da cidade. O atendimento será ampliado em duas horas diárias e um dia por semana, ocorrendo de segunda a sábado, das 8h às 17h. Normalmente, a vacinação ocorre nas unidades de segunda a sexta, das 9h às 16h, e aos sábados, no mesmo horário, em quatro unidades (Aparecida, Vila Mathias, Nova Cintra e Bom Retiro).

A aplicação da vacina de COVID-19 em Santos é feita em duas doses, com intervalo de 21 dias. Obrigatoriamente, a segunda dose deve ser do mesmo tipo da primeira. Isto porque estão previstas que vacinas de outros fabricantes sejam incorporadas em breve pelo Ministério da Saúde.

A vacinação dos 550 idosos acamados ou com dificuldades de locomoção, já acompanhados pela Seção de Atendimento Domiciliar (Seadomi), será feita pela equipe do próprio serviço. Este público não precisará realizar inscrição.

Os familiares e representantes legais dos idosos acamados ou com restrições de mobilidade, os quais não são atendidos pela Seadomi, deverão realizar inscrição na policlínica de referência do seu bairro para a vacinação em domicílio. As inscrições serão feitas entre os dias 12 e 22 de janeiro, mediante apresentação de documentação que comprove a condição de saúde do paciente.

“Queremos vacinar a totalidade da população santista. Estamos nos planejando porque haverá uma corrida por insumos, que podem faltar ou ser comercializados com valor mais elevado. Estamos deixando ainda R$ 70 milhões em caixa para aplicação em questões urgentes, como no caso da vacina. Se necessário for, também vamos adquirir as doses”, afirmou o prefeito Paulo Alexandre Barbosa.

Equipe reforçada

Para que a vacina em Santos tenha ampla cobertura, está programada a contratação temporária de profissionais de saúde. No dia 5 de janeiro, o Diário Oficial publica chamamento público para seleção de:

  • 31 enfermeiros
  • 50 técnicos de enfermagem (6h)
  • 98 técnicos de enfermagem (5h).

Todos passarão por capacitação entre os dias 18 e 22 de janeiro. Tudo isso pra que a vacinação em Santos seja eficiente e rápida.

A central logística de armazenamento ficará na Arena Santos. Um contâiner de 20 pés, refrigerado (de 2 a 8 graus) para o armazenamento das vacinas, estará no local.

Agenda da vacina da COVID-19 em Santos*

*a data inicial depende da confirmação do Estado

Trabalhadores da saúde

  • 25/01 – Início da aplicação da primeira dose
  • 15/02 – Início da aplicação da segunda dose

75 anos ou mais

  • 08/02 – Início da aplicação da primeira dose
  • 01/03 – Início da aplicação da segunda dose

70 – 74 anos

  • 15/02 – Início da aplicação da primeira dose
    08/03- Início da aplicação da segunda dose

65 – 69 anos

  • 22/02 – Início da aplicação da primeira dose
  • 15/03 – Início da aplicação da segunda dose

60 – 64 anos

  • 1º/03 – Início da aplicação da primeira dose
  • 22/03 – Início da aplicação da segunda dose

Para estar apto para tomar a vacina, o público deve levar:

  • Trabalhadores da saúde: carteira do conselho de classe (CRM, Coren, e outros), crachá ou holerite, acompanhado de documento de identidade com foto e comprovante de residência em Santos;
  • Idosos: documento de identidade com foto (RG ou CNH) e comprovante de residência em Santos.