Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Tudo sobre a nova entrada de Santos e o viaduto recém-inaugurado

  • 2
    Shares

Na última sexta-feira (14 de agosto), a nova entrada de Santos foi inaugurada.

Nós assistimos à live no Facebook da Prefeitura e, automaticamente, pensamos: será que estamos diante de uma referência ao jogo Mário Kart?

juicysantos.com.br - nova entrada de Santos

Piadas à parte, a entrega do viaduto finalmente aconteceu e tem bastante gente querendo saber o que, de fato, a obra mudou e quais benefícios a estrutura trará.

A nova entrada de Santos começou em 2013

Quando um convênio entre os governos municipal, estadual e federal foi assinado.

De acordo com este convênio, os três governos teriam obrigações a serem cumpridas no projeto da nova entrada de Santos. Como objetivos principais dessa tríade, estavam:

  • Desafogar o típico trânsito da entrada da cidade;
  • Combater as enchentes nos bairros ao redor das avenidas Martins Fontes e Nossa Senhora de Fátima.

Segundo o acordo assinado, apesar de se comunicarem, as obrigações de cada administração poderiam ser feitas separadamente e sem impactar o conjunto da obra.

A Prefeitura de Santos ficou responsável por construir o viaduto na entrada da cidade, uma ponte sobre o Rio São Jorge, pela melhoria na infraestrutura dos bairros próximos e também a construção da Avenida Beira Rio.

juicysantos.com.br - nova entrada de Santos

Já o Governo Estadual assumiu três viadutos: Anchieta, Alemoa e Piratininga. E o Governo Federal ficou responsável por construir o viaduto entre a Anchieta e o Porto de Santos.

No total, o projeto teve um orçamento total estimado em R$ 700 milhões.

O viaduto recém-inaugurado custo R$ 23 milhões

A obra, executada em cerca de um ano e meio, faz parte da terceira etapa do projeto nova entrada de Santos. E é uma das entregas da Prefeitura.

Intitulado viaduto Paulo Gomes Barbosa, em homenagem ao prefeito de Santos entre 1980 e 84, a estrutura tem forma de curva e 471 metros de extensão. Fica no encontro das avenidas Martins Fontes e Nossa Senhora de Fátima com a Rodovia Anchieta.

De acordo com a divulgação, o objetivo da novidade é acabar com o trânsito da região.

juicysantos.com.br - nova entrada de Santos

Além disso, também foram feitas obras para melhor escoamento das águas da chuva, com oito quilômetros de novas tubulações, como destaca o arquiteto Wagner Ramos.

“Houve um grande investimento em drenagem. Incorporamos os projetos do programa Santos Novos Tempos que contemplavam o leito da Avenida Martins Fontes, com implantação de galerias e tudo o que estava previsto no projeto, incluindo intervenção em moradias subnormais da Vila Alemoa para conduzir as águas pluviais de forma mais adequada ao Rio São Jorge”.

Se você pegar o viaduto, lembre-se: tem fiscalização eletrônica por lá. O radar fica próximo à subida e a velocidade máxima permitida é de 40km/h. O equipamento eletrônico também fiscalizará o tráfego de caminhões (acima de 2 eixos).

Homenagem ao Santos FC é outra novidade

Além do viaduto, sexta-feira também rolou a inauguração de um monumento em homenagem ao Santos Futebol Clube. Trata-se de uma escultura no formato de uma camisa número 10 do time. Em alusão ao ‘rei’ Pelé.

juicysantos.com.br - nova entrada de Santos

O monumento possui cerca de 6,50 metros do chão até a parte mais alta da escultura. A camisa, de 3 metros de altura e 1,5m de largura, foi feita em chapa de aço tratada com jateamento.  A obra vem com a assinatura do arquiteto Carlos Prates.

Apesar destas novidades, novos serviços da entrada de Santos ainda serão executados por meio dos governos estadual e federal. Entre eles estão, por exemplo, uma estação elevatória e a reestruturação do sistema de drenagem sob a linha férrea, em direção ao Rio Lenheiros.