Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos

Tudo sobre Sócrates, o filme feito em Santos cotado para o Oscar

Salas de cinema de todo o Brasil vão exibir um filme feito em Santos e estrelado por talentos santistas. Então você já sabe: vai precisar garantir os ingressos e o balde de pipoca para assistir Sócrates.

O filme é uma produção do Instituto Querô e da Querô Filmes.

Em outras palavras, é orgulho atrás de orgulho para a Baixada Santista!

Tudo sobre Sócrates

E, já que se trata de uma obra de arte feita por aqui, assistir não é o suficiente. Estamos na missão de espalhar a palavra de Sócrates e, para isso, é preciso saber tudo sobre o filme, né? O Juicy Santos te ajuda com isso.

juicysantos.com.br - Sócrates

Antes de mais nada, anote na sua agenda: o filme entra em cartaz no dia 26 de setembro.

De acordo com os maiores críticos de cinema, Sócrates se revelou uma das grandes surpresas cinematográficas dos últimos anos. O filme tem como protagonista Christian Malheiros (da série Sintonia) e Tales Ordakji e conta com a direção de Alexandre Moratto e produção executiva de Fernando Meirelles.

Toda a produção foi realizada por jovens capacitados nas oficinas audiovisuais do Querô que, aliás, realizou o trabalho em comemoração aos 10 anos de história.

Sobre a história de Sócrates

O roteiro escolhido conta uma história nua e crua sobre a vida na periferia, longe dos cartões postais e entregue ao acaso.

juicysantos.com.br - Sócrates

Sócrates (Christian Malheiros) é um jovem (15 anos) negro, homossexual, morador da periferia da Baixada Santista, que precisa sobreviver por conta própria após a morte de sua mãe. Seu encontro com Maicon (Tales Ordakji) começa conturbando, mas a briga acaba resultado em uma relação amorosa.

“Grande e sensível filme. Um espelho para a juventude no Brasil e em todo o mundo”, comenta Fernando Meirelles.

Vale a pena assistir Sócrates

Se o fato de o filme ser cotado para Oscar, ser uma produção santista e ter dois atores de Santos – ambos formados na Escola de Artes Cênicas Wilson Geraldo – não forem suficientes para você, existem outros bons argumentos para sua ida ao cinema.

Apesar de só chegar aos cinemas brasileiros agora, estamos falando de um sucesso inegável.

O filme fez uma brilhante carreira internacional pelos principais festivais internacionais. Um verdadeiro sucesso por onde passou. Só para ilustrar, veículos especializados como como a revista Variety, o jornal LA Times, o Hollywood Reporter e o jornal The New York Times teceram inúmeros elogios ao longa (já exibido em cinemas norteamericanos).

Além disso, já há uma coleção de prêmios trazidos para Santos:

  • Film Independent Spirit Awards, Someone to Watch
  • Film Independent Spirit Awards, Christian Malheiros
  • Mannheim-Heidelberg Film Festival, Melhor Ator
  • Thessaloniki Film Festival, Menção Honrosa e Prêmio Mermaid
  • Miami Film Festival, Melhor Primeiro Longa
  • Festival do Rio, Prêmio Félix
  • Mostra de São Paulo, Menção Honrosa
  • Woodstock Film Festival, Prêmio Ultra Indie
  • Festival Mix Brasil, Melhor Filme, Diretor, e Ator
  • Vencedor, Festival de Uruguay, Melhor Primeiro Longa

juicysantos.com.br - Sócrates

Já sabe a resposta, né? Vale a pena assistir e é legal ir na primeira semana, pois a lotação das salas nos primeiros dias serve como termômetro para saber por quanto tempo o filme ficará em cartaz 🙂