Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Financiamento coletivo: escola de handbells na Baixada Santista

Você sabe o que são handbells?

Literalmente sinos de mão, os instrumentos ecoam músicas de uma maneira totalmente diferente do que os nossos ouvidos estão acostumados – a não ser que estejamos assistindo filmes natalinos produzidos na terra do Tio Sam.

Uma jovem pretende popularizar esse estilo aqui na região. Para isso, ela precisa da ajuda de simpatizantes em uma campanha de financiamento coletivo.

Estamos falando da pianista Bruna Marinho. No ano passado, ela organizou o projeto Handbells: Uma Experiência Internacional na cidade. Agora, quer criar uma escola de handbells na Baixada Santista, especificamente em Cubatão.

Para tornar o sonho realidade, ela criou uma campanha de contribuição online, cuja meta é de R$ 3 mil.

handbells na baixada santistaImagem: Reprodução

Trajetória

Professora de educação musical (pela Unisantos) e técnica em piano (pelo Conservatório Ivanildo Rebouças de Cubatão), Bruna embarcou para um intercâmbio nos Estados Unidos em janeiro de 2016.

Foi durante as aulas no Lebanon Valley College (em Annville) que ela descobriu o trabalho com sinos de mão.

No mesmo ano, decidiu apresentar um projeto que ensinasse a tocar sinos de mão no Brasil e convidou sua professora estadunidense para ministrar as oficinas.

O projeto, que fez parte da Incubadora Vara para Pescar, rolou em novembro e teve 44 inscrições – de alunos da Baixada Santista e até do interior do estado.

“Alcançamos todos os nossos objetivos, propiciamos o intercâmbio cultural entre alunos daqui e de fora, troca de experiências e conhecimentos musicais. Pessoalmente, foi ainda uma experiência muito enriquecedora como gestora”, explica Bruna.

Faça sua doação

A campanha organizada no Kickante segue até o dia 5 de abril.

Você pode doar desde R$ 15 até R$ 3 mil. Todas as doações têm recompensas, sendo o menor valor um agradecimento nas redes sociais e o maior valor a gravação do nome do doador nos sinos da escola, convites para a confraternização dos alunos e uma apresentação em local a ser definido pelo benfeitor.

Se você é um amante da música e quer trazer mais essa vertente para a região, ajude já!

Pra sentir o que dá pra fazer com handbells: