Flávia Saad
Texto porFlávia Saad
37 anos - Santos (SP)

Fashion Revolution 2018 em Santos: faça parte da mudança

  • 48
    Shares

“Quem fez as minhas roupas?”

Essa é a pergunta que o Fashion Revolution questiona em seu quinto ano de ações para mudar a indústria da moda.

www.juicysantos.com.br - fashion revolution 2018

O colapso de uma fábrica em Rana Plaza, em Bangladesh, em 2013 abalou – de forma negativa e contundente – esse setor. Lá, mais de 3.700 pessoas trabalhavam em condições precárias e análogas à escravidão para produzir para grandes marcas. Mais de 1.100 morreram e outras 2.500 pessoas ficaram feridas

A tragédia deu início a um movimento baseado no ativismo, chamado Fashion Revolution. Nessa ação, nós, consumidores, dizemos às marcas e estilistas o que pensamos sobre a forma como as roupas são feitas, se essas pessoas recebem dignamente por isso e se possuem condições seguras de trabalho.

Não é segredo que consumo consciente esteja entre uma das paixões de quem faz o Juicy Santos, com a realização anual do Juicybazar.

www.juicysantos.com.br - fashion revolution em santos

Para nosso orgulho, Santos está, mais uma vez, entre as cidades brasileiras que recebem o evento que tem como objetivo mostrar os impactos econômicos, ambientais e sociais da moda e buscar soluções para essas problemáticas.

O Fashion Revolution quer fazer com que eu, você e todo mundo que compra e trabalha no setor da moda passem a pensar no caminho que cada uma das peças percorreu até chegar nas nossas mãos – desde os impostos não pagos no caso de pirataria até o trabalho escravo dos agricultores que cultivaram o algodão usado nas roupas.

“Vamos trazer o movimento do Fashion Revolution para o nosso dia a dia, transformar a moda do nosso cotidiano em algo mais consciente ao apresentarmos os impactos que a moda tem, tanto no meio ambiente quanto nas partes social e trabalhista.”, diz a professora de moda Carolina Carpinelli.

www.juicysantos.com.br - fashion revolution em santos sp

Programação Fashion Revolution 2018 em Santos

O evento acontece na Esamc, no Arte no Dique, no Cola na Base e no Lobo Estúdio.

Segunda-feira (23 de abril)

19h30: Oficina de tingimento natural dada pelas integrantes do projeto Excambo, Lais Pennas e Aline Vieira (Esamc Santos, Rua Egídio Martins, 181, Ponta da Praia)

Terça-feira (24 de abril)

-15 horas: palestra Por Dentro da Moda, com Mariane Costa (Arte no Dique, Av. Brigadeiro Faria Lima, 1349, Rádio Clube)

– 19h30: Palestra DIY com a YouTuber Karina Belarmino (Esamc Santos)

Quarta-feira (25 de abril)

19h30 – Exibição do documentário River Blue + roda de conversa com Lais Pennas e Aline Vieira (Esamc Santos)

19 horas: Abertura da exposição Quem Fez as Minhas Roupas? (Cola na Base, Rua Alagoas, 6, Gonzaga)

Sexta-feira (27 de abril)

18 e 20 horas – sessão do filme River Blue

19h30 – Excambo (troca de roupas)

Sábado (28 de abril)

14 horas – workshop de upcycling para as crianças do projeto Luzes da Vila e roda de conversa com Alzira Lúcio sobre “Descarte inadequado e desperdício” (Projeto Luzes da Vila, Rua São Clovis, 723)

14 horas – workshop de ilustração e bordado com Aline Vieira (inscrições pelo e-mail [email protected])

www.juicysantos.com.br - emma watson moda

Fashion Revolution em São Paulo

Em São Paulo, a programação da semana terá a santista Flávia Durante, criadora do Pop Plus e referência quando se fala em moda e cultura plus size, além de Michele Simões, estilista, criadora do projeto Meu Corpo é Real e cadeirante.

Outras cidades que recebem o Fashion Revolution no Brasil são Rio de Janeiro, Campinas, São José dos Campos, Niterói, Pelotas, entre outras. A lista completa você encontra no hotsite Fashion Revolution Brasil.