Juicy Santos
Texto porJuicy Santos
Santos

A Caipirinha é a cara do Brasil

Clique aqui e confira também nosso tema da semana

Vamos abrir a coqueteleira hoje e trazer a história do coquetel que é a cara do Brasil e um passaporte cultural em qualquer lugar do mundo.

Nossa cachaça, que vem ganhando cada vez mais espaço e visibilidade com campanhas e ações pesadas de marketing pelo mundo a fora tem como símbolo a caipirinha.

De remédio contra a gripe espanhola do inicio do século 19 ao Top Five de coquetéis mais consumidos no mundo!

Entre verdades e mitos, dizem até que a mãe da caipirinha é Carlota Joaquina esposa de Dom João VI, mas segundo Carlos Lima, diretor executivo do Ibrac (Instituto Brasileiro da Cachaça), o remédio contra a gripe que era feito com: limão, alho, mel e um pouquinho de Cachaça, logo foram modificados:

“Um dia alguém resolveu tirar o alho e o mel. Depois, acrescentaram umas colheres de açúcar para reduzir a acidez do limão. O gelo veio em seguida, para espantar o calor”.

Pronto! Assim nasce o coquetel que é a cara do Brasil!

Quando um estrangeiro chega ao Brasil às primeiras palavras que ele aprende são:  Obrigado, Samba e CAIPIRINHA!!!

E lá fora, ao mencionar Brasil para qualquer gringo ele logo abre um sorriso e diz: “Futebol, Carnaval, Samba e Caipirinha”.

E esse coquetel sempre é tema de discussões acaloradas em balcões e mesas de bar. Se é batida, mexida, montada, limão descascado, fatiado, com miolo, sem miolo, copo longo, copo baixo ou coada. O fato é que sem duvidas é uma das paixões nacionais.

E depois de muita luta nossa caipirinha conseguiu um decreto de Lei que normatiza sua receita:

Caipirinha: Decreto nº 6.871/2009

“A bebida elaborada com Cachaça, Limão e Açúcar, poderá ser denominada de Caipirinha”.

Então chega de história e vamos beber!

Receita de Caipirinha

Ingredientes:

  • 50 ml de Cachaça
  • 1 Limão Taiti em fatias
  • Açúcar a gosto
  • 5 pedras de gelo

Modo de preparo:

Em um copo baixo, coloque as fatias de limão, acrescente o açúcar e macere levemente, coloque o gelo e complete com a Cachaça.

Simples, porem tem duas dicas importantes para vocês:

  1. Quanto mais você macerar o limão, mais o óleo da casca é liberado e isso é que deixa sua caipirinha amarga.
  2. Das cinco pedras de gelo quebre duas, isso faz com que sua caipirinha fique gelada por mais tempo.

*Beba com moderação!!!

Post enviado por Bruno Caldeira Mendes, Barman/Mixologista, Sócio da Mixxo Drinks. Contato: (13) 9171-5163

O Bruno já apareceu no Juicy quando ganhou o prêmio Smirnoff Hostel, lembram?