Texto porSuzane G. Frutuoso

Por que vale a pena colocar o autocuidado na sua rotina

  • 116
    Shares

Há anos tenho dois rituais, um pela manhã e outro antes de dormir.

Logo cedo, depois do café, faço uma série de alongamento. A mesma há anos.

Parece que só assim consigo dar início de fato ao dia, com o corpo “azeitado”. À noite, sempre separo uns minutinhos para massagear meus pés com um hidratante bem cheiroso e fazer um exercício de respiração e meditação para dar aquela baixada na agitação.

Meses atrás, contei isso para uma amiga que é psicóloga e ela me elogiou!

“Que bom que você tem esse autocuidado… Faz uma diferença enorme no bem-estar, na autoestima… É gostar de si mesma, se dar valor.”

www.juicysantos.com.br - autocuidado na rotinaIlustração: @ilustragabs

Eu não me lembrava do termo “autocuidado”. Depois que ela falou, recordei de ter visto pesquisas sobre a importância do autocuidado para profissionais que, justamente, cuidam muito dos outros (como enfermeiros ou cuidadores de idosos) ou pessoas que estão passando por um momento em que são responsáveis por alguém da família que está doente.

O que você pode fazer por você

E aí, há poucas semanas, uma outra amiga compartilhou em um grupo no WhatsApp o link da plataforma Comum.vc, que aborda também autocuidado.

A plataforma acaba de passar por uma reformulação e mudou um pouco o foco, mas ainda permanece com essa ideia de transformação através do acolhimento e do desenvolvimento humano que nos ensina a gostar mais da gente.

www.juicysantos.com.br - autocuidado

Ao longo da vida, vamos nos relacionar com diferentes pessoas, em diferentes situações e cenários. E uma parte delas, infelizmente, vai tentar nos machucar. Em geral, machucam porque estão machucadas. Porque só conseguem enxergar na repetição de um comportamento negativo a saída para se sentirem menos mal com o que consideram ser. Com o que as fizeram acreditar que eram.

Quando, então, cuidamos com carinho das nossas emoções é bem mais difícil ficarmos abalados com tentativas de nos diminuir, menosprezar, intimidar. Também não permitimos que relacionamentos abusivos sigam em frente e sabemos bem o que não desejamos para nós.

Comece seu dia com uma dose de autocuidado

O autocuidado, que anda de mãos dadas com o autoconhecimento, está naquele dinheiro bem gasto na terapia, no exercício físico que mais lhe agradar, em uma alimentação saudável sem deixar de ser gostosa e ter seus saborosos deslizes vez em quando.

Autocuidado é o grupo de amigos com quem se pode abrir o coração, brindar, dar risada alta, confessar.

O almoço de domingo em família capaz de focar no afeto e deixar de lado as diferenças.

www.juicysantos.com.br - autocuidado flores em casa

Também está em se afastar ou diminuir o convívio com quem, afinal, nos machuca. Não está em querer salvar o outro custe o que custar. Vai só custar mesmo sua saúde física e emocional se não tiver vontade do outro lado. A gente só ajuda quem quer ser ajudado, lembra?

Coloque o autocuidado na sua rotina como uma presente que você merece muito, sem moderação. Respiração tranquila, equilíbrio de atitudes, mimos, boas relações, tempo para olhar aí dentro, entender, transformar. Alivia seu dia e, a longo prazo e acumulado, faz a vida ter real sentido.

***
Suzane é santista e cofundadora da plataforma Mulheres Ágeis e da consultoria ComunicaMAG. É jornalista, mestre em sociologia, professora e escritora. Autora do livro “Tem Dia Que Dói – mas não precisa doer todo dia e nem o dia todo”. Mãe orgulhosa da viralatinha Charlotte.