Aline Brentegani
Texto porAline Brentegani

O preço da rede Accor em Santos

Quando, finalmente, a rede de hotéis Accor chegou a Santos, um novo cenário se abriu. Saímos da hotelaria familiar (já que a maioria dos hotéis da região são desse tipo) para a hotelaria internacional, com serviços e design padronizados, mas bastante confiáveis.

A rede Accor está espalhada pelo mundo todo e é, há bastante tempo, minha favorita. Quando viajo para alguma cidade pela primeira vez, do Brasil ou do exterior, garanto uma hospedagem honesta, com uma boa cama e um bom banheiro, ficando nos hotéis Ibis.

Quando sobra uma verba a mais procuro ficar no Mercure ou no Novotel, hotéis mais Premium da rede.

Também tenho uma tática: se quero ficar num hotel diferente ou melhor localizado, ou se não existe mais vaga no período que vou me hospedar no local, uso o valor que pagaria numa hospedagem Ibis como referência para procurar outros hotéis básicos daquela região.

Mas aqui em Santos, o preço de uma diária nos dois hotéis da rede, Ibis e Mercure, é um dos mais altos do estado de São Paulo.

Com exceção da oferta na cidade de São Paulo, se compararmos o valor de uma diária em Santos às maiores cidades do interior do estado, vamos levar um choque! Eu levei!

O Juicy fez uma pesquisa, comparando uma diária em Santos e uma diária nas cidades de Santo André, Campinas e São José do Rio Preto. Vejam:

ibis santos
Ibis

Santos – R$ 179

Santo André – R$ 149

Campinas – R$ 169

São José do Rio Preto – R$ 166

mercure santos

Mercure

Santos – R$ 300

Santo André – R$ 259

Campinas – R$ 170

São José do Rio Preto – R$ 125

Vejo duas explicações pra isso:

1)      Santos é, inegavelmente, uma cidade turística que merece ter sua hotelaria valorizada. Com isso, o valor da diária de um hotel que fica num dos canais mais badalados da cidade, há alguns metros da praia, não poderia ser uma pechincha.

2)      A rede Accor, sabendo da escassez de hotéis na cidade, cobra uma diária maior, mas ainda assim, mais barata do que os outros grandes hotéis de Santos; colocando no mercado uma saudável competição.

Pra nossa cidade, o fato de estes hotéis terem finalmente chegado já é um ganho para o turismo. Alias quanto mais diversidade de meios de hospedagem tivermos, melhor pro consumidor final. Que venham outros hotéis, pousadas, albergues pra incrementar o cenário hoteleiro da nossa cidade.

Obs.: os valores citados são médias cobradas no mês de julho e dependem da disponibilidade do hotel. Não nos responsabilizamos por estes valores citados aqui.