Flávia Saad
Texto porFlávia Saad
37 anos - Santos (SP)

Português do Queijo, a primeira fromagerie de Santos

Queijo é tão bom que deveria ser substantivo próprio, adjetivo e verbo.

Queijo.

Você está tão queijo hoje.

Vamos queijar?

Queijo tinha que ter seu próprio templo pra que nós, adoradores de sua simplicidade, pudéssemos nos entregar aos prazeres que ele proporciona.

(eu já mencionei que adoro queijo?)

Pois bem, fomos conhecer a primeira casa totalmente dedicada a essa iguaria que mora em nossos corações aqui em Santos. Estamos falando do Português do Queijo, uma fromagerie de respeito.

www.juicysantos.com.br - fromageria em santos português do queijo

Da feira para a galeria

A história do português, na verdade, começa em 1976, quando o pai do empresário Thiago Telhado chegou ao Brasil vindo da terrinha e aqui se estabeleceu como comerciante na feira livre vendendo – adivinhe… – queijos e outros produtos finos, como azeitonas, doces caseiros e outras delícias.

Ainda bem novo, na infância, Telhado começou a trabalhar na barraca da família. Como ele mesmo conta, “foi criado na feira”.

www.juicysantos.com.br - thiago telhado português do queijo

Apaixonado por carros antigos e arte, viu sua vida seguir por um caminho que nem tinha muito a ver com o comércio: estudou Ciências da Computação, se formou em Arquitetura e empreendeu em outras áreas, antes de seguir a paixão que sempre teve pelos queijos.

Todas as ações dele eram guiadas pelo desejo de fazer diferente e ousar, mesmo que intuitivamente.

E foi isso que aconteceu quando, em 2016, o pai decidiu que havia chegado a hora de se aposentar e passou o negócio para o filho. O desafio de inovar em um comércio tão tradicional, como a feira, era tudo o que Thiago precisava como estímulo. Aumentou o mix de produtos, com produtos artesanais exclusivos, que acabou atraindo um público jovem como ele para o hábito de comprar na feira.

Mas ele queria mais.

Foi atrás de um ponto comercial pra criar o Português do Queijo, uma fromagerie que oferecesse os produtos da barraca em um ambiente legal e que pudesse também ser um local de encontro. Aquele lugar bacana pra jogar conversa fora no happy hour ou em uma reunião.

Estabeleceu-se inicialmente no Gonzaga, com a ideia inicial de servir tábuas de queijos, acompanhamentos e cervejas diferenciadas, além de um cafezinho e folhados para o fim de tarde.

O ambiente tinha a cara do queijeiro arquiteto, que não só planejou o espaço, como também colocou a mão na massa na reforma.

QD2A4429Imagem: Afonso Matias

Por meio de cursos, viagens e muitas horas de estudos, Thiago vem se especializando sobre as especifidades dos queijos e descobriu que está no caminho certo.

O que é fromagerie

Bastante populares na Europa, as fromageries se especializam na venda de queijos artesanais de alto padrão de qualidade e super frescos. Em São Paulo, já existem algumas referências na área, como A Queijaria e A Galeria do Queijo, mas esse universo ainda está tímido no Brasil e deve crescer ainda mais no futuro próximo, assim como aconteceu com o café, os burgers e as cervejas.

“Gostaria de mudar a ideia que o brasileiro tem de que o queijo é um coadjuvante, apenas um ingrediente. Lá fora, existe a cultura do queijo como protagonista”, explica Telhado.

www.juicysantos.com.br - fromageria em santos português do queijo

O conceito pegou e, agora, você precisa correr pra conhecer o Português do Queijo em sua loja atual, porque 2018 promete mudanças logo no início do ano: um local bem maior e recheado de novidades.

Já sabemos, aliás, onde vai ser a nova casa – e a gente te conta no final desta matéria.

Português do Queijo no Facebook 
Português do Queijo no Instagram

Juicy Santos recomenda

Experimente uma das tábuas de queijos (quem recomenda o queijo do dia é o fromagier). Pode vir acompanhado por chutney ou chilli de pimenta.

O valor da porção fica, em média, entre R$ 25 e R$ 40.

www.juicysantos.com.br - fromageria em santos português do queijo

Para beber, tem cerveja Heineken (R$ 8), a alemã de trigo Erdinger (R$ 18 a 23) e a artesanal santista Mermaid (R$ 21).

Você pode (e deve!) levar pra casa os queijos disponíveis na casa, como os da Serra da Canastra (MG), as pimentas (entre R$ 13 e R$ 25) e os Chutneys artesanais Dilis (R$ 22). Você degusta o que leva pra casa e vice-versa.

portugues-do-queijo

Outras opções bacanas pra quem curte doces: o doce de leite Viçosa e as goiabadas e bananadas Zélia, por R$ 16 a lata de 400 gramas e R$ 27 a lata de 800 gramas.

O Português do Queijo fica na Av. Ana Costa, 380, loja 3, Gonzaga. Tem wi-fi, ar condicionado e música boa. Tel: (13) 3349-2000. Abre de segunda a sexta-feira, das 14 às 22 horas.

Boa notícia: a partir de março de 2018, a loja se muda para um novo espaço multiuso, maior e cheio de surpresas. Já temos a confirmação do endereço: Rua Machado de Assis, 268, Boqueirão. Vamos acompanhar!