Flávia Saad
Texto porFlávia Saad
38 anos - Santos (SP)

O fim da versão impressa do Diário Oficial de Santos

A Prefeitura de Santos anunciou que o Diário Oficial de Santos passará a ser totalmente online a partir de 14 de agosto de 2017.

Assim como aconteceu na cidade de São Paulo e no estado (mas não sem polêmica), a comunicação oficial será feita dentro do portal santos.gov.br.

diário-oficial-santos

A principal vantagem diz respeito à economia e aos benefícios ambientais, já que a tiragem chegava a 15 mil exemplares diários!

Segundo a administração, de agosto a 31 de dezembro de 2017, R$ 500.000 deixarão de sair dos cofres públicos (impressão e distribuição dos jornais). Se o impresso continuasse rodando, a despesa em 2018 chegaria a R$ 1,6 milhão.

Do ponto de vista ambiental, o DO gerava 170 toneladas de papel por ano = 2.550 árvores + 1,7 milhão de litros de água e 850 watts por hora de energia.

A partir de 15 de agosto, quem quiser assinar o DO em seu tablet ou celular deve entrar no site da Prefeitura para se cadastrar e receber as atualizações diárias. 

E quem não acessa a internet?

Muita gente, no entanto, está preocupada com os idosos, maioria na população santista e principal público consumidor de notícias no meio offline. Por outro lado, a terceira idade anda mais conectada do que nunca. Vamos acompanhar…

A Prefeitura promete, para setembro, a instalação de totens para consulta do DO em vários pontos da cidade:

– Paço Municipal
– Bom Prato dos Morros (Rua das Pedras s/nº, Morro São Bento)
– Centro da Juventude da Zona Noroeste (Rua Brigadeiro Faria Lima, s/nº, Rádio Clube)
– Espaço do Idoso (Rua Alfaia Rodrigues, 260, Aparecida)

A equipe de trabalho do DO continua a mesma, produzindo matérias e divulgando os atos oficiais, mas agora 100% no ambiente digital.

Então, se você precisar procurar alguma informação, acesse o Diário Oficial de Santos.

E aí, gostou dessa novidade ou acha que o DO no papel vai fazer falta?