Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Entenda como agir com os pets durante essa quarentena

  • 2
    Shares

O último mês foi cheio de adaptações para todo mundo. Inclusive para os cães e outros pets. Afinal, seus donos estão ficando em casa por muito mais tempo do que de costume, né?

Há casos como o de uma inglesa, que o cãozinho abanou o rabo até ele parar de funcionar – tamanha era a felicidade. E também o de cachorros que vivem em apartamentos e, por isso, estão experimentando a quarentena de uma maneira mais parecida com a nossa: sem os passeios na rua.

Se você vive essa situação e não sabe como agir com os pets durante essa quarentena, pode se acalmar. Nós temos algumas dicas para você!

Como agir com os pets durante essa quarentena

Para começar, vale ter em mente que o COVID-19 não se manifesta em animais.

juicysantos.com.br - pets durante essa quarentena

Em outras palavras, não há risco de contaminação e nem de transmissão por meio dos bichinhos. Mas isso não significa que está liberado sair pra andar na orla com eles, viu?

“Nos últimos dias, algumas pessoas ficaram confusas ao perceber que, no calendário de vacinas de animais, existe uma que combate coronavírus. Mas é importante dizer que é outro tipo de vírus, diferente do que estamos nos protegendo”, explica o veterinário da Codevida, Murilo Penteado.

Ainda assim, os passeios com os bichinhos devem ser evitados. Está se perguntando o motivo?

Simples: não tem como garantir que os pets não terão contato com o vírus e o trarão para casa. Em resumo, é a mesma situação de, por exemplo, sapatos e roupas, que devem ser higienizados quando voltam para o ambiente interno. E aí não tem jeito, é preciso exercitar os animais em casa mesmo. Você pode, por exemplo:

  • Criar circuitos para eles brincarem no corredor de casa – use itens do dia-a-dia para dificultar a rota;
  • Fazer treinamentos e ensinar novos comandos;
  • Ofereça ossos ou mordedores para eles roerem;

Caso ainda assim você sinta que é necessário sair para caminhar, busque horários alternativos (bem cedo de manhã ou tarde da noite) e vá aos locais onde há menor aglomeração. Além disso, assim que chegar em casa, higienize as patinhas do seu companheiro.

“É importante que a higienização seja feita apenas com água e sabão. Álcool gel ou outros produtos químicos não são indicados, pois há risco de o animal lamber e se contaminar”, finaliza o veterinário.

Se você for brincar com o seu pet em casa, tire uma foto e posta com #JuicySantos! Nós vamos amar ver essa fofura.