Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos

Terapia integrativa corpo-mente em Santos ensina a controlar a ansiedade

Você provavelmente nunca contou, mas todos os dias, seu cérebro emite cerca de 70 mil (!) pensamentos. De acordo com pesquisas, 90% deles são repetidos. E, desse montante, a maioria é de pensamentos negativos.

Fica difícil viver com tanta negatividade em mente e não se afetar de alguma maneira.

E os números só reforçam essa informação: de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o país mais ansioso e estressado da América Latina. Cerca de 5,8% dos habitantes sofrem de depressão e 9,3% vive com ansiedade.

www.juicysantos.com.br - terapia integrativa contra a ansiedade

Se você é um deles, nós temos uma pergunta para te fazer: e se você descobrisse que dá pra controlar (em tempo real e sem o uso de medicamentos) o seu estresse e ansiedade? Essa é a promessa de Darrell Champlin e da terapia integrativa corpo-mente em Santos*. 

Talvez você já tenha ouvido falar no Darrell em assuntos ligados aos sonhos, uma de suas especialidades. Mas o americano radicado em Santos também atua como terapeuta integrativo corpo-mente. A reportagem do Juicy Santos esteve no consultório onde ele atende para entender o trabalho que vem sendo desenvolvido e como ele pode ajudar a controlar a ansiedade, insônia, dores crônicas, depressão, fobias sociais, assuntos relativos a relacionamentos e outros problemas.

juicysantos.com.br - Terapia integrativa corpo-mente em Santos

Antes de mais nada, uma spoiler da nossa experiência pessoal: depois de três dias da nossa conversa, eu consegui meditar pela primeira vez!

*O Juicy Santos destaca que, embora as terapias alternativas sejam válidas, nada substitui a atuação de um profissional de Psicologia para o bem da sua saúde mental. 

Terapia integrativa corpo-mente em Santos: o que é?

Os estudos de Champlin começaram na década de 70 quando, durante a pós-graduação, ele teve a gestão de estresse como sua área de foco. Desde então, o terapeuta se dedica a pesquisar terapias integrativas, metafísica, física quântica e psicologia da energia e positiva.

“Eu percebi que era possível fazer um trabalho de psicoterapia que não envolvesse apenas o bate-papo. Entenda: conversar é bacana, mas se descobriu que, às vezes, após a sessão a pessoa está ainda mais estressada. Porque a terapia mexe com várias questões, sentimentos e memórias”, explica.

Foi a partir desse conhecimento que o profissional deu início ao seu trabalho de terapia integrativa corpo-mente em Santos. Segundo ele, uma abordagem eficiente ao controle do estresse e ansiedade, à melhoria da depressão, dor e fobias sociais, entre outras coisas, precisa ser multifacetada. Deste modo, os clientes que frequentam o consultório encontram e praticam:

  • Biofeedback
  • Terapia de libertação e emocional
  • Controle de estresse por meditação
  • Psicoterapia corporal integrativa com reflexologia

Na primeira consulta, o cliente passa por uma ‘entrevista’, na qual fala sobre os problemas gerais que enfrenta. É neste momento que Darrell descobre, por exemplo, o histórico de doenças e dores, os medicamentos que fazem parte da rotina da pessoa, a dieta, os conflitos familiares e interpessoais e outros assuntos importantes. Já neste primeiro encontro é aplicado o biofeedback.

Mas o que é biofeedback eletrônico?

Essa foi a nossa primeira pergunta. Para ficar mais fácil de entender, o terapeuta perguntou se eu me importava de viver a experiência enquanto conversávamos. Topei.

Basicamente, ele colocou um notebook em uma mesa ao meu lado, acoplou um aparelho em uma das entradas de USB e prendeu um sensor na minha orelha direita. Depois, abriu um software no computador, deu play e conversou comigo normalmente. Ao fim da conversa, voltamos ao computador. Na tela, estava um gráfico das minhas reações emocionais e condições de estresse minuto a minuto, tudo gravado em tempo real.

juicysantos.com.br - Terapia integrativa corpo-mente em Santos

Em outras palavras, é possível entender como você reage a cada assunto que leva para a terapia, o que deixa sua frequência cardíaca mais acelerada, qual a diferença das reações emocionais entre os diversos temas abordados. Por fim a tecnologia permite entender como está sua coerência cardíaca e dá pistas sobre o que precisa ser abordado em terapia.

Libertação emocional

A partir dos resultados dessa primeira conversa, as técnicas dominadas por Champlin são aplicadas nas próximas sessões. Uma delas é o EFT, que significa Terapia de Libertação Emocional. Trata-se de um tipo de acupuntura psicológica sem agulhas conjugada com programação neurolinguística.

“De acordo com a ciência, as memórias geram energias e elas ficam alojadas no corpo e no sistema nervoso. Então, quando você relembra um momento, automaticamente essas energias voltam. Nós desenterramos as memórias e neutralizamos elas através de um processo de acupressão e ressignificação emocional”.

Isso significa que você traz à tona memórias e lembranças, de acordo com o que foi conversado na primeira sessão, e fala sobre elas. Conforme as emoções voltam e o seu corpo produz e distribui as energias retidas, o terapeuta aplica o tapping (pequenas batidas com as pontas dos dedos) em locais estratégicos de seu corpo e repete afirmações positivas e negativas para liberar memórias e equilibrar a energia do local.

Segundo ele, pessoas que passam anos com dor crônica descobrem que ela resultava de algum momento que viveram.

“Um dos casos que eu sempre lembro é o de uma senhora que não conseguia levantar minimamente o braço, tamanha a dor. Começamos a trabalhar a morte da mãe dela, mas não houve melhora significativa. Em uma sessão, descobri uma mágoa muito profunda: o gato dela havia morrido nos braços dela e ela não conseguiu fazer nada para salvá-lo.

Trabalhamos o assunto e, na consulta seguinte, estávamos conversando e ela levantou o braço para arrumar os cabelos. Não sentia mais dor nenhuma”.

Como controlar a ansiedade

A partir dos gráficos e estatísticas gerados pelo software utilizado para obter o biofeedback, Champlin consegue ter um panorama geral de como está a coerência cardíaca do cliente. Com base nessa informação, é feito um treinamento para ensinar a pessoa a controlar a ansiedade.

No total, são 10 sessões assistidas por computador. Para controlar o estresse, indica-se, entre outras coisas: reaprender a respirar, controlar o foco, meditar e aprender a ressignificar assuntos que geram desconforto emocional e, logo, ansiedade. Esse treinamento também é utilizado por executivos, empresários e até atletas.

Se você ficou curioso e quer saber mais, pode acessar o site ou entrar em contato com (13) 99741-6022.

*Mais uma vez, vale lembrar que as terapias alternativas são complementares à atuação de um profissional de Psicologia para o bem da sua saúde mental.