Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos
TAGs

pizzas

Santos tem Pizzaria Amiga do Consumidor

Sexta-feira à noite. Esse é o dia que marcamos, meus pais e eu, de sairmos para jantar juntos. O costume é de que isso seja feito pelo menos uma vez ao mês, assim eles podem me ouvir falar da faculdade e trabalho e não tem briga pra lavar a louça.

Isso não significa que tudo ocorre em paz.

Cada vez um de nós escolhe o restaurante. Meu pai, pouco criativo, sempre vem com o nome de uma pizzaria. E é aí que mora o problema.

Ele e a minha mãe escolhem uma metade, e eu, a outra. Os valores nunca são similares e nós temos duas saídas: pagar uma diferença absurda ou optar por outro recheio.

3728145262_c8f5dee511_bImagem: flickr.com

Confesso que nunca entendi o motivo da cobrança ser do valor maior, mas como o preço é liberalidade do fornecedor, não tem como reclamar.

A saída, a partir de agora, é ficar de olho nos estabelecimentos que fazem parte da campanha Pizzaria Amiga do Consumidor.

mmm-pizzaImagem: flickr.com

O objetivo do projeto, incentivado pela Prefeitura de Santos pelo decreto nº 7.334, é identificar e divulgar as pizzarias que cobram o valor médio dos sabores da pizza meio a meio. A adesão é facultativa, por isso temos que ficar de olho no estabelecimento para ver se tem o selo da campanha ou olhar a lista no site do Procon.

Resumindo, se da próxima vez que a gente for à pizzaria meu pai quiser um sabor de R$ 60 e eu um de R$ 35, vamos pagar R$ 47,50. Bem melhor, né?

Em breve, faremos um post com as pizzarias amigas <3