Ludmilla Rossi
Texto porLudmilla Rossi
38 anos - Santos

O pudim de leite do Café Carioca

Aqui vai uma história de uma dieta interrompida drasticamente por um pudim. De leite. O que seria um único bolinho de bacalhau após uma ida ao centro de Santos se transformou em uma violenta interrupção da escassez calórica. Sério que esse pudim é caso sério.

Não deveria ser um fator principal, mas algo que chamou a atenção foi o custo benefício. Um pedaço generoso de pudim de leite por R$ 4,50. Numa cidade onde está difícil achar sobremesa por menos de R$ 8 (ou mesmo tomar um café por esse preço não é tão simples quanto parece), foi um excelente negócio. Mas o custo benefício rolou mesmo quando o sabor aconteceu.

O pudim do café carioca tem a textura perfeita com a consistência / cremosidade no ponto. O gosto é delicioso, nem muito doce e nem insosso. Na medida.

pudim-de-leite-carioca

É uma sobremesa emblemática, clássica e impulsionada por toda a atmosfera do lugar (uma verdadeira viagem).

Digam-me que o pudim nem é tão bom assim, mas eu digo que afirmar isso é um equívoco. Não é só pela memória afetiva do local, o sabor realmente é daquelas sobremesas caseiríssimas, que parecem feitas para você. Nem o Ventisilva cheio de poeira do lugar tira a magia.

Um amigo que estava comigo comentou – Isso não é poeira, é história.

De fato, é. E voltando ao pudim, ele sim deveria ganhar uma página na história dessa cidade. Um manifesto. Uma placa na entrada da cidade: “Benvindo a Santos e coma o pudim”.

Não sei como esse pudim esteve escondido por tanto tempo.

Se o ingrediente principal de um pudim são ovos, e Santos é um ovo* concluímos aqui que o futuro de Santos está no pudim.

Deleite.

pudim-de-leite-carioca-2

* como dizem os santistas que ainda se assustam com os poucos graus de separação da cidade onde todo mundo conhece todo mundo.

Onde comer o pudim
Café Carioca – Praça Visconde de Maua, 1 – Centro, Santos – SP
(aberto todos os dias  a partir das 6h da manhã. Aos sábados fecha às 13h. Domingo não abre)