Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos

Doe fraldas para a Yasmim

A Yasmim tem 7 anos.

Como toda criança com essa idade, ela adora brincar e já sabe o que quer de presente no próximo dia 12 de outubro. Mas, diferentemente da maioria dos pedidos, a pequena menina não quer uma boneca da Disney ou um videogame novo.

Isso porque, desde o início de setembro, um dos quartos da oncologia pediátrica da Santa Casa de Santos virou o seu novo lar.

Enquanto ela não volta para casa, para toda família há apenas uma necessidade em mente: a doação de fraldas geriátricas nos tamanhos P ou M, embalagens de pomadas contra assaduras e lenços umedecidos.

“Como o hospital não fornece esses itens, a família se uniu para comprar. Mas o que a gente consegue não vence para o dia seguinte, porque ela usa, em média, 12 unidades todo dia”, explica Rosimeire Santos, tia da garota.

Doe fraldas para a Yasmim

Os profissionais do setor de Oncologia do hospital ainda não fecharam o diagnóstico. Por enquanto, o que se sabe é que existe um tumor e que ele comprime o intestino da Yasmim, o que faz ela perder o controle das necessidades fisiológicas.

Como a necessidade de um grande número de fraldas é comprovada, a gerência da Santa Casa de Santos vai providenciar um laudo com essa afirmação. Com o documento em mãos, a família pode pedir ajuda à Secretaria de Estado da Saúde Pública (SEESAP).

Mas o processo é demorado e eles não podem esperar. Por isso, a família conta com quem puder ajudar.

Se você puder dar uma força, é só entrar em contato com a Rosimeire, tia da Yasmim, por meio do telefone (13) 99644-6074. Ela se coloca à disposição para ir buscar as doações em um local a combinar.

Se você não puder fazer uma doação no momento, pode ajudar divulgando a necessidade da família e da Yasmim com os seus amigos.