Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos

Santistas concorrem em festival internacional de cinema

Mais uma vez Santos mostra que está arrasando quando o assunto é cinema. Afinal, depois de ser considerada cidade criativa pela UNESCO e embarcar para Busan, na Coreia do Sul, temos outra notícia incrível. Ainda em 2018, um grupo de santistas concorre em um festival internacional de cinema!

E não é com qualquer filme. São produções de, no máximo, 15 segundos, ou seja, filmes conhecidos como nanometragens. Um desafio nada fácil, que foi aceito e executado com sucesso. O festival em questão é o 15 Second Horror, que, em resumo, busca produções dos gêneros terror e suspense com esse tempo limitado.

www.juicysantos.com.br - filme de terror de 15 segundos

Santistas concorrem a festival internacional de cinema

Para melhorar a notícia, não é só um talento de Santos concorrendo. São cinco produções, ou seja, 15 jovens estudantes de cinema e audiovisual levando o nome de Santos para o exterior. Se você também amou a notícia e quer saber quem é a galera, se liga na lista de filmes feitos aqui que foram selecionados:

Espinha (5) – Pedido para Nicole
Integrantes: Luana Starke, Jéssica Campos e Nicolle Ferreira;

The Last Selfie
Integrantes: Felipe Venceslau, Giovanna Gargioni, Lucas Alberton, Marcos Lemela e Nicolle Corrales;

Midnight Ballet
Integrantes: Juliana Gomes e Luiz Roberto Penereiro;

Brincadeira de Criança
Integrantes: Ariel Manarte, Diogo Almeida, André Luis Pinto, João Alfredo e Lucas Andrade;

Prova Final
Integrantes: Guilherme Ayres e Luiza Torres.

Para conferir maiores detalhes sobre os filmes, acesse o site e assista às produções

Sobre o festival

De acordo com o cronograma, neste momento, os juízes estão no processo de avaliação e votação das obras. O resultado sai em dezembro. As produções selecionadas da Baixada são de alunos do curso de Cinema e Audiovisual do Centro Universitário São Judas Tadeu – Campus Unimonte.

“Contar uma história em tão pouco tempo é um desafio. Nas aulas, discutimos e adequamos as ideias à produção do filme de 15 segundos”, explica o professor Delson Gomes.

Se você ainda não entendeu a importância deste festival, vamos exemplificar em números: o primeiro colocado do ano passado teve mais de 3 milhões de visualizações online.

Nós estamos na torcida!