Ludmilla Rossi
Texto porLudmilla Rossi
37 anos - Santos

A zoeira de carnaval mais séria que já vimos

O carnaval passou, o ano começou mas essa “zoeira” deveria acontecer o ano inteiro. Se você ainda não entendeu aquele símbolo azul pintado no asfalto, ou usa a desculpa dos “cinco minutinhos” quero muito que você seja encontrado pela galera do Coletivo LABUTA.

Como eles mesmos definem:

“A intervenção teve como objetivo chamar a atenção para alguns pequenos descuidos que precarizam a vida de milhares de pessoas com deficiência – especificamente, o uso indevido das vagas reservadas para cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida/condicionada. Em tom carnavalesco, levamos os blocos fictícios “Cai Fora” e “Unidos do sai daí” para protagonizarem flagras naqueles que, sem precisar, estacionam nas vagas reservadas. As ações foram filmadas e, com as imagens captadas, produzimos esse um pequeno vídeo para ser partilhado entre muitos pelas redes sociais.”

A primeira intervenção carnavalesca foi filmada em São Paulo, no dia 4 de março de 2014, em Pinheiros.

Fica um mega tapa na cara de quem ainda se acha no direito de parar em locais destinados às pessoas com alguma restrição de mobilidade.

Assista o vídeo abaixo e confira a criatividade desse povo.

labutaato1