Juicy Santos
Texto porJuicy Santos
Santos

Como é andar no ônibus ecológico de Santos

De uma frota de mais ou menos 300 ônibus municipais em Santos em operação, apenas oito do sistema de transporte da cidade são plenamente sustentáveis: seis trólebus, um veículo elétrico com bateria recarregável e outro híbrido (diesel e energia elétrica). É pouco ainda. Mas eles são muito importantes.

Dias atrás, experimentamos dois deles: o elétrico de bateria recarregável (foto) e o híbrido.

O elétrico é do tipo miniônibus. Durante a semana, costuma circular pela linha 20, que liga o Centro ao Gonzaga. Aos domingos e feriados, pela linha 52. Foi na 52 que fizemos o teste. E a experiência não poderia ter sido melhor.

Primeiro do gênero produzido no Brasil, o veículo movido exclusivamente à bateria está nas ruas de Santos desde agosto de 2017. Tem emissão zero de poluentes, baixo nível de ruído e autonomia de 220km.

www.juicysantos.com.br - ônibus ecológico em santos sp Fotos: Isabela Carrari – PMS

O veículo é silencioso. Ouve-se apenas o leve ruído do motor elétrico. As partidas e freadas ocorrem sem solavancos. Em movimento, é como se flutuasse pelo asfalto. De piso baixo e pronto para a acessibilidade, o embarque e desembarque acontece sem maiores esforços.

Os passageiros, em especial os mais idosos, elogiaram a qualidade da viagem.

O ônibus, de prefixo 5700, comporta 42 passageiros – 20 em pé e 22 sentados. Durante o trecho percorrido (da Praia da Aparecida ao Macuco, via Ferry Boat), não registramos superlotação. Ah: totalmente elétrico, o miniônibus não emite fumaça. Não polui o ar, tem ar condicionado e wi-fi.

Pra quem quer entender melhor como ele funciona: o ônibus elétrico possui duas baterias, ambas instaladas no teto. A que alimenta o motor fica na parte traseira e a outra (menor), na dianteira. Dá pra ver bem na foto abaixo.

Em 3 a 4 horas, o ônibus está totalmente recarregado. E esse processo vai acontecer sempre durante a madrugada.

Outra coisa bacana: o sistema de câmeras permite que o motorista acompanhe o embarque e desembarque de passageiros.

www.juicysantos.com.br - onibus movido a energia elétrica

No feriado de 1º de Maio, calhou-nos de embarcar no veículo híbrido, que opera todos os dias na linha 4. É um ônibus do tipo BRT, com três portas e capacidade para mais de 70 passageiros. A desvantagem é não dispor de piso baixo – para entrar e sair é preciso subir/descer os dois degraus de escada.

Em circulação na linha 20 desde maio passado, o ônibus híbrido anda com dois motores: um elétrico e outro a diesel, que se alternam para o funcionamento conforme a velocidade. Parado ou rodando até 20 km, opera com energia elétrica e, a partir daí, com o motor a diesel. O modelo consome menos combustível, reduz a emissão de poluentes e também de ruído.

As arrancadas, feitas com o motor elétrico em funcionamento, são suaves e sem barulho. À medida que o ônibus adquire velocidade, o motor a diesel é acionado. Tem-se, assim, a poluição sonora e do ar dos ônibus convencionais, ainda em que em menor grau. De qualquer forma, são muito menos agressivos à vida que os veículos exclusivamente a diesel.

Além desses dois, Santos conta com os seis trólebus da linha 20, que funciona de segunda a sábado. São veículos fabricados em 1987 e, nestes 31 anos, seguem firmes, fortes, confortáveis e ambientalmente sustentáveis levando e trazendo passageiros da Cidade para o Gonzaga. Aliás, só três lugares no Brasil ainda contam com trólebus: Santos, São Paulo e ABC Paulista.

www.juicysantos.com.br - transporte público ecológico

Esperamos que a experiência de ser transportado com conforto e segurança em ônibus ecológico de mínimo impacto ao meio ambiente não seja exceção. Que não aconteça por sorte de estarmos no ponto justamente no horário em que aqueles raros veículos estejam passando. Que, em breve, a frota elétrica e híbrida seja ampliada, até ser maioria, num futuro próximo.

*Por Wagner de Alcântara Aragão, jornalista e professor, atua como editor-geral da Rede Macuco