Ludmilla Rossi
Texto porLudmilla Rossi
37 anos - Santos
TAGs

Compras em Los Angeles (em menos de 24 horas)

Fui a Los Angeles participar de um evento e acabei tendo um dia livre para conhecer as redondezas e aproveitar para fazer umas comprinhas. Como eu ainda não conhecia a cidade e não daria tempo de conhecer os pontos mais famosos, aproveitei para flanar e acompanhar quem estava comigo, sem fazer nenhum grande plano. No fim das contas descobri que fazer compras em Los Angeles vale muito a pena.

Acabei descobrindo um lugar para compras mais alternativo (Fourth Street District), conhecendo dois outlets e um shopping (que fica pertinho do aeroporto LAX). Talvez essas dicas sejam úteis se você tiver pouco tempo na cidade ou quiser fazer compras menos convencionais.

Compras vintage em Long Beach, Los Angeles

Eu juro que queria ter passado o dia inteiro lá olhando cada antiguidade e experimentando os ~vintage tudo~. Tive pouquíssimas horas para explorar o distrito que eles chamam de Fourth Street. Basicamente é uma comunidade que se formou ao redor do universo retrô, criando uma espécie de diretório que celebra a independência e a diversidade. Uma pegada bem “shop local”, com “lojas de dono” onde você recebe aquele atendimento bem humorado e próximo. Definitivamente o lugar onde mais curti fazer compras em Los Angeles.

Distrito vintagem em Los AngelesEu cheguei desavisada nesse lugar e enlouqueci! Apenas estava acompanhando um amigo que iria comprar um patins para a esposa na Moxi. Como há anos eu estava ensaiando comprar um patins (e tentar voltar a praticar um esporte que fazia na infância) pensei que não seria uma má ideia acompanhá-lo. Quem sabe eu acharia um patins que desse aquele match?

Não contente em ver tanta cor e opção de patins eu acabei achando um PATINS DE GLITTER. Irresistível, néam?

Eu já tinha ouvido falar da Moxi através de umas andanças no Pinterest quando estava pesquisando patins vintage, mas dei sorte de cair no lugar mais certo do mundo. A cultura do patins é muito forte em Long Beach, o que rende canais de You Tube maravilhosos sobre o assunto – estou reaprendendo a andar de patins assistindo vídeos da Indy Jamma Jones, que tem um canal bacanérrimo sobre patins.

Essa foi a minha compra na Moxi: um patins Sure Grip Stardust que personalizei com o freio verdinho e a roda de donuts.

moxi-los-angeles-patins-stardustBem perto da loja da Moxi eu fiz um mega achado que mexeu com o meu coração. Os leitores do Juicy Santos sabem que temos um projeto solidário que é o Juicybazar. Basicamente nós coletamos roupas e objetos usados e vendemos. Toda a grana que arrecadamos é doada para instituições nas quais confiamos.

Lá no meião da Fourth Street eu achei a Assistance League, uma loja exatamente com esse modelo de negócios. Eles vendem peças doadas por valores muito amigos e toda a grana arrecadada é direcionada para projetos sociais ou organizações sem fins lucrativos da região. O mote deles é “shop 4 a cause” e “gently used but new to you”. Ao longo de todo o ano eles também realizam vendas temáticas como “Asian Collectibles” e “Island treasures”.

Os atendentes são gentis e adoraram saber que fazemos algo similar aqui no Brasil.

Essas foram as lojas que AMEI nas redondezas da Fourth Street, em Los Angeles.

RETRODA PAST & PRESENT
2001 E4TH ST

ASSISTANCE LEAGUE LONG BEACH
2100 E4TH ST
Atenção para os horários. Na segunda a loja abre às 10h e fecha às 16h.
De terça a sábado, funciona das 10h e fecha às 18h e não abre aos domingos.

INRETROSPECT VINTAGEWARE
2122 E4TH ST

MOXI ROLLER SKATE SHOP
2132 E4TH ST

PORTFOLIO COFFEE HOUSE
2300 E4TH ST

Vale a pena: ir com tempo para garimpar e fuçar tudo – especialmente a Assistance League que é a loja solidária.
Não vale a pena: chegar cedo, a maioria das lojas abre depois das 11h da manhã

Citadel Outlet, em East Los Angeles

Esse é um dos outlets mais famosos da região. É bem grande, tem que passar o dia inteiro e segue aquele modelo industrializado que a brasileirada fã de Orlando adora. Do Citadel transbordam marcas amadas pelos brasileiros que confesso que não fazem muito meu estilo. Para quem ama Michael Kors, Armani, Hugo Boss e Calvin Klein vai ser uma festa do caqui. O que eu achei que vale muito a pena por lá são as lojas de marcas esportivas.

citadel-outlet-em-los-angelesA Adidas tem preços excelentes. A loja da Vans é enorme e tem alguns itens com bons preços, mas tem que pesquisar muito. A minha amada Kate Spade, na época que fui estava bem salgada, mas eles fazem promoções periodicamente de 60% off + 20% em cima da compra total. O que eu achei mais legal no Citadel é o serviço de guarda volumes gratuito que eles oferecem, diferente do Jersey Gardens que você precisa pagar por um carrinho ou andar com a sua mala para cima e para baixo.

Aplausos para esse Vans, que chorei por só ter tamanho infantil.

Tênis de Unicornio da VansVale a pena: andar livre e deixar as coisas no guarda volume, especialmente porque é a céu aberto
Não vale a pena: as taxas chegam a 10%, então tem que se ligar nisso antes de passar no caixa

The Outlets at Orange, em Orange

Entre o Citadel e o The Outlets at Orange eu fico com a segunda opção. Eu tenho uma bela queda pelos outlets da Simon, que é a mesma empresa dona do The Jersey Gardens (em NY). Também a céu aberto, esse outlet fica próximo da região onde está instalada a Disneyland (a Disney da Califórnia). É menor que o Citadel e mais selecionado e acabei fazendo mais achadinhos por lá.

O The Outlets at Orange tem o “quarteto fantástico” para mulheres que já passaram dos 30, ou seja, a Bloomingdale’s Outlet, Neiman Marcus Last Call, Sak’s 5th Avenue Off e a minha querida Nordstrom Rack, da qual sou fã inveterada. Confesso que passei a maior parte do tempo nessas 4 lojas, mas também entrei na H&M e Forever 21 – onde tinha muita grade banguela mas com achados ótimos.

neiman-marcus-last-call
the-outlets-at-orange
saks-off
oculos-tom-ford-saks

Mas nenhuma das compras em Los Angeles, NENHUMA E NADA, NADA, NADA vai superar esse achado:

Kate Spade Eu já queria ter comprado essa bolsa, mas sem chance de pagar o full price. Deixei na loja e anos depois reencontrei o mesmo modelo na Bloomingdale’s outlet por 1/3 do preço. Não tive dúvidas e levei na hora. Ela é exatamente o logo do Juicy Santos. AMEI!

Vale a pena: ir de manhã. É simplesmente deserto, zero filas em provadores e nos caixas. As taxas aqui não passam de 8%, melhor que no Citadel.
Não vale a pena: Chegar a noite, pois durante a semana fecha cedo (entre 20h e 21h).

Manhattan Village, em Manhattan Beach Los Angeles

O Manhattan Village fica perto do aeroporto de Los Angeles (menos de 12 minutos de carro) e é uma opção boa se você precisar “dar um tempo” antes de fazer check-in no seu hotel ou AirBnB – ou mesmo para quem fez check-out muito antes do horário do vôo. O shopping é plano com chão lisinho e facilita muito a locomoção com malas. Tem lojas ótimas ali e bons restaurantes na parte externa.

Vale a pena: comprar iPhone saindo do aeroporto, pois lá tem a Apple Store. A Macy’s tem uma área de descontos ótima e a Hallmark é sempre uma excelente fonte de mimos.
Não vale a pena: Se você estiver esperando um shopping monumental.

Adorei fazer compras em Los Angeles, mesmo que com pouquíssimo tempo em cada lugar. Sei que nessa lista faltaram lugares como Santa Monica e a Rodeo Drive, mas o tempo era curto.

E já está na minha wishlist voltar para a cidade para curtir, patinar e desbravar o lado cultural de lá.

E quem sabe, mais compras em Los Angeles. 😀

UPDATE

A Alana Leguth fez uma ótima contribuição com esse post. Quem tiver mais tempo pode ir na Wasteland (7428 Melrose Ave, Los Angeles), um brechó só com marcas de luxo. Ela fez achados incríveis lá, como um vestido Alexander Wang por menos de 60 dólares e botas Giuseppe Zanotti por 130 doletas.