Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos

Palestra com gerente regional do Sebrae

Atenção , empreendedores: o gerente regional do Sebrae, Paulo Sérgio Franzosi, estará no 2° Meeting Regional de Empresários.

Sabe o que isso significa? Uma ótima oportunidade para fazer networkinrg e, de quebra, aprender um pouco mais sobre empreendedorismo e inovação de negócios.

O encontro será nesta próxima quarta-feira (21 de setembro), a partir das 7 horas, no Mendes Plaza Hotel (Av. Marechal Floriano Peixoto, 42, Gonzaga).

“O Sebrae é uma entidade séria, idônea, que auxilia os empresários locais. Por isso, receber o gerente regional para uma palestra é uma grande satisfação”, comenta o atual presidente do grupo BNI Indicium, Luiz Leal.

Durante o encontro, Paulo Franzosi vai bater um papo com os empresários presentes. A ideia é compartilhar dicas de como movimentar ainda mais os negócios – especialmente em tempos de crise.

“Vou apresentar algumas possíveis soluções para quem está empreendendo no momento e comentar sobre como o Sebrae pode ajudar os empresários locais a alavancar ainda mais os negócios na região”, explica.

bniImagem:  Carolina Barbieri/ Divulgação

Ficou interessado? O evento é aberto ao público, com investimento de R$ 50 (o valor inclui café da manhã e estacionamento).

Sobre o BNI Indicium

Trata-se de um grupo de empresários que se encontram periodicamente, com o objetivo de crescer em conjunto. Para isso, o BNI possui empresas de vários segmentos e trabalha da seguinte maneira: indica essas empresas para quem precisa comprar um produto ou serviço.

Semanalmente, acontecem reuniões abertas, em que é possível trocar cartão, conhecer as empresas e apresentar serviços.

As atividades começaram em dezembro de 2013. Desde então, os números não param de crescer: com apenas um ano as empresas do grupo faturara juntas R$ 1,5 milhão. Em 2015, o faturamento saltou para cerca de R$ 2,4 milhões. Faltando um trimestre para o fim de 2016, o grupo já atingiu o mesmo faturamento integral do ano passado.

Além de Santos, também existe uma filial do BNI em Praia Grande.

“Pretendemos, até o fim do ano, atingir a meta de três milhões de reais, com 50 parceiros. O crescimento obtido durante esses quase três anos comprova a efetividade da metodologia. É por isso que as reuniões são abertas a demais empresários da região”, salienta Leal.