Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

Como vencer a crise da COVID-19 no setor criativo – esse curso gratuito explica

  • 1
    Share

Já são mais de 100 dias em quarentena.

Isso significa que estamos seguros e tentando evitar a disseminação da COVID-19. Mas, para muitos empreendedores, significa também mais de três meses sem grana. Principalmente para aqueles que trabalham em eventos e na economia criativa.

As meninas da Joga a PPK na mesa, por exemplo, sentiram o impacto da ausência de rolês em Santos. Para tentar driblar a situação, criaram uma festa online. Mas nem todos os empreendedores têm essa possibilidade.

A crise da COVID-19 no setor criativo é real

E o problema se tornou tão grande que vai virar um curso gratuito do Sebrae Santos.

www.juicysantos.com.br - covid pequenos negócios

Aliás, não é qualquer curso, o Programa Economia Criativa Baixada Santista terá uma semana de duração e promete um conteúdo bem completo. Anota aí: as aulas acontecem online, entre os dias 13 e 21 de julho (segunda a terça-feira da semana seguinte), sempre das 10 horas ao meio-dia. Neste período, os participantes ouvem e tiram dúvidas sobre:

  • Dicas para a saúde do seu negócio: Inovação e Marketing Digital;
  • Inovando nas Vendas;
  • (Re)Negociando com Fornecedores e Clientes;
  • Entendendo os seus Direitos;
  • Protegendo o caixa (Finanças);
  • O Crédito Certo para o seu Negócio;
  • Sebrae Responde: Atendimento ao Cliente.

Todos os assuntos são apresentados por profissionais que têm experiência e entendimento em empreendedorismo. Ou seja, uma chance de garantir um outro olhar no seu negócio e nos problemas trazidos às empresas pela crise do coronavírus.

Quero participar

As aulas são gratuitas, mas as vagas, limitadas. Então, se você quiser participar, não perca tempo e faça a sua inscrição. Para isso, é só clicar aqui e preencher um formulário com informações básicas.

As aulas serão transmitidas pelo Microsoft Teams. Se você for acessá-las pelo computador, basta ingressar através do botão Web (o link de acesso será enviado para o seu e-mail). Já quem for acompanhar o conteúdo precisa fazer download de um aplicativo gratuito para Android quanto para iOS.