Texto porVictória Silva
Jornalista, 25 anos - Santos

Devo deixar meu filho fazer um intercâmbio?

Assim que fui matriculada em um curso de inglês decidi: vou fazer intercâmbio.

Na época, todos a minha volta encaram a ideia como uma loucura. E eu, mesmo desacreditada, passei os quatro anos seguintes juntando moedinhas para esse fim. Quando o curso acabou, eu não tinha dinheiro nem para um final de semana em Ubatuba, mas continuava decidida.

Meu pai era só negação. Foi preciso muita conversa para que ele ficasse indeciso – a decisão não veio, mas a viagem, sim (!).

Caso você também tenha a mesma dúvida que o meu pai, chegou a hora de responder a pergunta: devo deixar meu filho fazer um intercâmbio?

intercâmbioImagem: Reprodução/Savana in Dublin

No próximo sábado (18 de fevereiro), famílias e estudantes terão a oportunidade de conhecer o funcionamento de um intercâmbio a fundo e, assim, acabar com todas as dúvidas e medos.

Isso será possível graças ao workshop gratuito sobre intercâmbio no Ensino Médio, que acontece das 10 às 13 horas no auditório da Unimonte (Rua Comendador Martins, 52, Vila Mathias).

Leia também
Tipos de intercâmbio
Onde tirar passaporte em Santos

Além das explicações sobre o programa, o evento contará com uma palestra da psicóloga Gisela Monteiro (do canal Falatório de Gisela, que já apareceu aqui no site e vale a pena acompanhar!), que falará sobre a importância de estudar fora e viver essa experiência.

“O intercâmbio é um processo de adaptação e aprendizado. Vamos falar sobre o porquê dessa necessidade de que o jovem saia da sua zona de conforto”, adiantou a psicóloga.

Durante o evento, também será possível conversar com representantes de uma empresa de assessoria para vistos e com ex-intercambistas recém-chegados dos Estados Unidos. Eles estarão lá compartilhando suas vivências fora do país.

Participe

O evento é gratuito, mas quem quiser participar precisa confirmar presença com antecedência. Para isso, basta enviar um e-mail para [email protected].