Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 23 anos - Santos
TAGs

Sua visita pode alegrar a vida desses idosos em Santos e região

São 10 horas em um abrigo de idosos em São Vicente. Em dias comuns, nesse horário já estão todos alimentados e de banho tomado. A maioria se acumula na sala, onde assistem à algum programa de TV aberta. Um número menor está do lado de fora, os olhos voltados para o muro e a mente bem longe dali. E também há aqueles que vivem acamados e, por isso, estão no quarto.

O lugar é silencioso.

O silencio só é interrompido quando o portão é aberto para uma visita entrar. Nesse momento o som da TV fica desinteressante e músicas são interpretadas pelos moradores do Lar de Amparo Vovó Walquíria. As boas-vindas sempre têm música, sorrisos e boas conversas.

Enquanto os visitantes estão por ali, o lugar ganha mais vida. E é assim em vários locais que abrigam idosos em Santos e região.

A importância do trabalho voluntário com idosos em Santos

Se acaso você sempre quis fazer trabalho voluntário, mas acredita que não tem tempo para isso, visitar asilos é uma ótima opção. A maioria dos abrigos aceita e até pede visitas. Isso porque os idosos ficam muito tempo “sozinhos” e ter com quem conversar é uma maneira de distrai-los e deixar os dias mais leves.

“Eles se sentem acolhidos, não têm essa sensação de abandono… eles ficam felizes mesmo. As visitas evitam até doenças, eles se sentem importantes e amados”, explica Iva Monteiro, do Lar de Amparo Vovó Walquíria.

As impressões de Iva não estão erradas. De acordo com pesquisas, o simples ato de conversar com idosos estimula a memória, a linguagem e a interação. De acordo com os pesquisadores da Universidade do Texas e da Universidade A&M, para que as interações sejam ainda mais proveitosas é preciso que você escute o que o idosos tem para falar e interaja com ele ao, por exemplo, estimular o aprendizado de novas tecnologias ou falar sobre fatos recentes.

Os vovôs que vivem em São Vicente, por exemplo, adoram fazer selfies e usar filtros dos stories.

Onde fazer trabalho voluntário com idosos em Santos

Existem vários lugares em Santos que precisam de voluntários. Tem para trabalho com crianças, pessoas em situação de rua, animais abandonados e com idosos também. Se você ama conversar e quiser ajudar, é só procurar o abrigo mais próximo da sua casa. Certamente visitantes são bem-vindos nele.

juicysantos.com.br - idosos em Santos e região

Mas se não souber por onde começar, nós temos três indicações aqui na região:

1. Lar de Amparo Vovó Walquíria (São Vicente)

Para começar, vamos falar sobre o Lar de Amparo Vovó Walquuíria. A instituição tem uma história linda e o Juicy Santos já esteve por lá algumas vezes. Em 2016 nós levamos presentes de natal para todos os morados e em 2018 voltamos para saber como estavam as coisas por lá.

Em um resumo rápido, para quem não conhece a história, o lar funciona de maneira beneficente. Os idosos acolhidos por lá não têm família e nem para onde ir. Por isso, todo trabalho voluntário é bem-vindo. Você pode, por exemplo:

  • Passar uma tarde conversando com os moradores do lar;
  • Fazer doação de produtos de limpeza ou higiene pessoal;
  • Doar alimentos, frutas e legumes;
  • Organizar um café da manhã ou chá da tarde.

Enfim, toda ajuda é bem recebida e faz toda a diferença. Se acaso você tiver interesse, é só entrar em contato através do Facebook ou então pelo telefone (13) 3043-2306 ou 3025-2878.

O Lar de Amparo Vovó Walquíria fica na Av. João Francisco Bensdorp, 155, em São Vicente

2. Lar São Francisco de Assis (em Praia Grande)

Quem é de Praia Grande ou quiser ir até a cidade pode ajudar o Lar São Francisco de Assis.

Atualmente são 50 idosos na instituição – que também recebe pessoas em situação de abandono. Assim como os moradores da Vovó Walquíria, os idosos do lar de Praia Grande precisam aumentar a interação social e, por isso, a instituição está em busca de visitantes. Por lá é possível ir sozinho, com ONGs e até mesmo com escolas.

juicysantos.com.br - idosos em Santos e região

De acordo com a instituição, os idosos acamados são os que mais precisam desse apoio. Já que passam todo o tempo no mesmo ambiente e com as mesmas pessoas.

Para agendar a visita – que pode ser feita em qualquer dia da semana, no período da tarde – é só entrar em contato com (13) 3494-2694.

O São Francisco de Assis fica na Rua Joanna Imparato de Souza Ferreira, sem número, na Mirim.

3. Residencial Casa do Sol e Residencial Santa Therezinha (ambos em Santos)

Aqui em Santos temos duas opções de onde você pode ir. Primeiramente, a Casa do Sol conta com a ajuda de voluntários em seus evento beneficentes e em atividades na própria casa. Você pode ir conversar, contar histórias, ler um livro e até promover oficinas de artesanato, por exemplo.

Neste caso, para ser um voluntário é necessário agendar uma visita. Os interessados conhecem a casa e, em seguida, passam por uma entrevista com uma psicóloga – o objetivo é encontrar em qual área você terá mais facilidade de atuar. Para marcar a visita é só ligar para 913) 3258-5100. Lembre-se de ter o documento e uma foto 3×4 no dia da visita

voluntária em asilo de idosos

A Casa do Sol fica na Av. Santista, sem número, no Morro da Nova Cintra.

Já no Residencial Santa Therezinha os visitantes podem conversar e fazer eventos de interação com os idosos. Maiores informações podem ser obtidas no (13) 3233-2127.

Fica na Rua Doutor Lobo Viana, 21.

Esses são apenas alguns endereços onde é possível fazer trabalho voluntário com idosos em Santos e região. Você pode recorrer a um deles ou então buscar o endereços mais próximo da sua casa. Deixe nos comentários o local escolhido, assim a galera terá ainda mais opções!