Victória Silva
Texto porVictória Silva
Jornalista, 24 anos - Santos

3 atitudes para fazer um casamento sustentável e sem desperdícios

Uma pauta muito recorrente nos últimos tempos tem sido a sustentabilidade.

E não é para menos: pensar formas de viver em harmonia com o planeta é urgente. Se você concorda e já aplica hábitos sustentáveis no seu dia-a-dia, chegou o momento de pensar em como levar esses costumes também para o seu casamento. Afinal, não dá para deixar a sustentabilidade de lado no grande dia, né?

É possível fazer um casamento sustentável

Existem várias maneiras bem simples de que fazem uma grande diferença para que a sua festa seja mais sustentável. Dá, por exemplo, para dispensar os pratos e copos descartáveis por louças ou substituir os guardanapos de papel pelos de tecido.

Parece besteira, mas já é um grande passo.

“Quando eu fui casar, imaginei que ia economizar usando descartáveis. Mas quando colocamos no papel, vi que seria um gasto equivalente ao aluguel das louças – já que teriam que ser muitos descartáveis, para suprir os copinhos e pratos jogados no lixo após um único uso. Além de ser mais sustentável, fica bem mais elegante”, comenta a noiva Camila Souza.

Além desse exemplo, existem várias outras meninas de organizar um casamento sustentável. A gente listou algumas delas para você!

3 passos para um casamento sustentável

1. Decoração sim, desmatamento não

Flores são sinônimo de casamentos e isso ninguém contesta. Mas não precisa  desmatar uma floresta inteira para ter uma festa linda. Na hora de escolher os arranjos, dê preferência às espécie nativas e facilmente encontradas na região. Assim, você evita que elas tenham que ser tiradas de sua habitat natural.

juicysantos.com.br - casamento sustentável

Caso seja possível, também é legal focar nos arranjos plantados. Assim, as flores não vão morrer após a festa e, inclusive, podem ser a lembrancinha para os convidados.

Não deu para optar por vasos? Nesse caso, pode ser interessante doar as flores após a festa. Em asilos, por exemplo, elas fariam a felicidade dos moradores.

2. Escolha dos convites

Em relação aos convites, você vai perceber que existem modelos mega diferentes. Dá para ser mais simples, só de papel ou então ir até opções de vidro e mega tecnológicas. Antes de escolher, tente imaginar o que os convidados vão fazer com o convite após o casamento.

Será que a opção em vidro é a melhor?

Neste sentido, uma possibilidade bem legal está nos papeis recicláveis que têm sementes em sua composição. Portanto, os convidados podem plantar o convite após a festa e ver a plantinha crescer conforme o amor de vocês também cresce enquanto casados!

3. Cálculos e mais cálculos

Ser sustentável também significa evitar jogar comida fora.

Então, na hora de contratar o buffet, faça um cálculo da quantidade de comida necessária para o número de convidados. Também lembre-se de pensar em quantos docinhos e bebidas vocês de fato precisam.

Se houver sobras, pense na possibilidade de doar para alguma instituição ou então distribuir para pessoas em situação de rua. A ideia de levar tudo para casa é tentadora, mas a verdade é que você vai enjoar de comer a mesma coisa, né?

Além disso tudo, também é possível fazer um casamento sustentável ao pensar na lembrancinha e até na escolha das bebidas. Enfim, existem várias maneiras de ser menos nocivo ao meio-ambiente nesse dia tão importante.

É só escolher como você vai ajudar 🙂