Texto porAline Brentegani

A Maravilhosa Cozinha de Jack – Alta gastronomia sem frescura

Que a gente é fã de gastronomia (entende-se por comida boa que te faz feliz) não é novidade. Que eu, particularmente, não manjo absolutamente NADA de cozinha e prefiro a hora da degustação, não é segredo. Um canal reúne receitas fáceis e saborosas, regadas a muita cerveja e com doses cavalares de bom humor. Esse é o canal do Youtube: A maravilhosa cozinha de Jack!

a maravilhosa cozinha de jack

Descobrimos o canal pelo twitter do Fábio (@fabioocm). No começo achei que ele era o chef responsável! Mas não. O canal, que traz receitas deliciosas apresentadas de uma maneira divertidíssima, é comandado pelo Fernando (@cancerjack). O Fábio faz as artes e cuida do comercial (eles estão buscando patrocinadores!). A Juliana Bonilha (@jbonilhap) filma e edita os vídeos. Ou seja, a cozinha do Jack é uma cozinha comunitária que vocês vão amar conhecer!

A curiosidade foi tamanha que fomos atrás deles e fizemos um monte de perguntas:

Juicy: Como surgiu a ideia do canal de vídeo Cozinha de Jack?

Fernando: Sempre gostei muito de cozinhar e, em janeiro de 2011, aproveitando as férias, fiz um videozinho caseiro de um prato que preparei para a minha mulher – Canard a l’orange (Pato na Laranja). Na época estávamos fazendo jantares temáticos por país, harmonizando com vinhos. Dei o nome de A Maravilhosa Cozinha de Jack por homenagem à Ofélia. O Jack é por causa do meu blog “Cancer de Jack”. O vídeo ficou meia boca, mas o Fábio, que trabalha comigo curtiu a ideia e chamamos a Juliana (também trabalha conosco) pro projeto. A princípio era para ser um blog com vídeos e fotos, mas logo vimos que a maioria das receitas mereciam serem feitas em vídeo. Daí surgiu o canal. 

Juicy: é uma proposta séria (de receitas) com uma pitada de humor, certo? É voltada ao publico masculino?

Fernando: Essa é a pegada mesmo. O público primário eram os fãs do site Jovem Nerd que já me conheciam (eu participo regularmente do Nerd Cast), mas aos poucos fomos percebendo que se tornou atração para toda a família. Pais e filhos fazem as receitas juntos. Outros pedem para a mãe ou a namorada fazer. Teve até uma avó que anotou a receita do Stroganoff Moskow Style no caderno de receitas. 

Juicy: onde você faz as gravações?

Fernando: Fazemos na casa de um amigo meu de muitos anos porque a cozinha dele é americana, o que facilita a gravação. O acordo é: ele cede a casa e eu levo a comida! 

Juicy: o que acha da gastronomia santista?

Fernando: Acho que Santos peca muito nos serviços em geral. Restaurante bom, tem poucos. Subo para São Paulo direto para almoçar, para não ficar refém dos mesmos lugares. Mas essa é a mentalidade do pessoal mais velho de Santos. Muito tradicional e vai sempre no mesmo lugar. O pior é que tem muita gente boa saindo dos cursos de gastronomia em Santos (da UniSantos por exemplo) e tem que ir para São Paulo para ganhar dinheiro. Mas essa é só minha opinião de leigo. É o que vejo no dia a dia.  

Juicy: quais seus restaurantes preferidos na cidade e porque?

Fernando: Meu preferido é o Puerto de Palos, pela qualidade da comida e do atendimento, que é primoroso. Gosto do Canal 4 e do Oca, pelos mesmos motivos.  

Juicy: você é formado em gastronomia?

Fernando: Infelizmente não. Gostaria muito, mas me falta tempo. Quem sabe mais para frente eu me aventuro. Não sou chefe, e acho que nem culinarista. Devo estar na categoria dos curiosos que apreciam cozinhar. 

A gente A-M-O-U os vídeos todos. Ainda não experimentei nenhum devo confessar. Mas confiram e quem fizer a primeira receita comenta aqui!